Paulista ou Brasileiro?

Show de surf na final do Paulista mais brasileiro do país

Peterson Crisanto, do Paraná, conquista o Campeonato Paulista

Esse domingo a Praia de Itamambuca virou palco para os melhores atletas do Brasil darem um show de surf. O Maresia Paulista Pro sagrou Peterson Crisanto, do Paraná, campeão do circuito. O melhor paulista colocado finalizou o evento na quarta colocação, Magno Pacheco, do Guarujá. Ele, portanto, conquista o título de campeão paulista.

A falta de etapas em outros estados e a ausência de um circuito nacional faz com que surfistas do país inteiro viajem a São Paulo para disputar o paulista. Com três etapas, Pitangueiras, Maresias e Itamambuca o evento já existe há 33 anos e é um dos mais tradicionais do Brasil.

No pódium estava Peterson Crisanto pela terceira vez, Leandro Bastos (RJ) em segundo, Marco Aurélio (Ubatuba) em terceiro e Jihad Kohdr (PR) em quarto lugar. Thiago Camarão, de São Sebastião, deu um show à parte conquistando a Expression Session, aperitivo extra pra quem estava na areia curtindo o show de surf dos melhores surfistas do país.

Quem não tem cão caça com gato e o Brasil segue sem um Circuito Nacional decente, sem investimentos nas categorias de base e circuitos amadores que sirvam de treinamento e formação  de campeões de surf, sejam eles mundiais, paulistas ou brasileiros.